Loading

maria jorgete teixeira

A Solidão das Dunas

Sinopse


A solidão das dunas


Um livro de poesia, de emoções que se expressam tanto em verso como em prosa. Uma voz que se desdobra em percursos vários, presentes nas quatro partes em que se divide: o amor e a paixão com as suas contradições e enleios, cortes e recomeços; o desconcerto do ser em permanente inquietação, com as suas angústias, interrogações e fantasmas; os lugares que nos constroem e acolhem, a cidade, as casas, as fragas e os soutos, os rios, a savana e as florestas tropicais ; a reflexão sobre o mundo, a indignação e as pelejas, a intervenção activa. É um percurso e uma voz no feminino, “ As mulheres caminham sobre a solidão das dunas”. Caminham na solidão reforçada pela sua condição de um ser ainda menorizado. Mas nunca conformadas, nunca de mãos caídas, “ (…) dentro delas germina a imensidão do vento, a insubmissão do mar.”.